Autores de frevos, sem espaço na Rozenblit, foram pioneiros em discos independentes

Há 60 anos, entrava em cena uma nova geração de autores de frevo, responsável não apenas por uma oxigenação do gênero, como também por uma inovação. Com dificuldade de passar pelo seleto funil da Mocambo/Rozenblit, passaram a bancar seus próprios discos. O que nos anos 70, era conhecido como “disco independente”, na época chamava-se “gravação... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑